Como não me apaixonar por alguém que não fosse como você, algo perfeito que somente deus fosse me presentear, alguem que pudesse simplesmente com um olhar descrever todos os meus movimentos emocionais.


Bom meu nome e Pedro, tenho 22 anos, sou moreno, 1,82 alt. e 78 kls, e não faço nada na vida além de trabalha, sabe aqueles momentos que você necessita de algo diferente e não sabe oque fazer, pois bem, acho que estou num desses momentos.


Trabalho com vendas e isso me faz ter muitos contatos com varias pessoas, conheço tanta gente, faço a amizade com muita gente e acho que e uma das minhas melhores qualidades.


Vou contar um pouco da minha vida pra vocês, desde de pequenininho fui muito mimado, sempre tive tudo que eu queria, mas aos 17 anos me mudei pra cidade onde moro atualmente pra começa a trabalhar, sendo assim me tornei uma pessoa independente, tudo que tenho hoje foi fruto do meu trabalho nos últimos anos, de certo modo não posso negar a ajuda de terceiros, desde de que criança eu já sabia que era gay, mas o medo me deixava angustiado pq não e fácil você crescer ouvindo seus amiguinhos de te chamando de veado de bicha, sei que isso era errado e sei que no fundo eles tinham razão sobre isso.


Minha adolescência foi meio conturbada, mas graças a deus eu suportei tudo que aconteceu , quando eu tinha uns 15 anos eu beijei o primeiro garoto , foi algo muito bom, muito louco também, vou contar como aconteceu esse beijo entre eu e o Felipe.


Um Dia estávamos nos dois cv sobre meninas, eu ficava meio sem graça e ele me contando que já tinha comido fulana, ciclana e por ai vai eu ouvindo aquele papo que pra mim estava normal.


Felipe > > No velho eu comi ela demais , meu pau ficou ate inchado de tanto que eu meti na bucetinha dela , no meu irmão ela rebolava gostoso demais , e sabe o melhor de tudo velho e que ela era safadona demais , me deixou gozar na boquinha dela.


Eu >> Serio?  No mo doidao vcs então


Felipe >> E vc Pedro me conta oque tu já arrumou com as gatinhas?


Eu >> Ah eu sou meio na minha cara, meio bobo.


Felipe >>  Fala a verdade velho , esse lance que o povo fala que vc gosta de pika e mentira ne , pq se vc gostar desse trem mesmo vou te dar a minha pra vc mamar,


Eu >> Ta doido carai , e mentira sim .


Felipe >> então pq você não me conta quem vc anda comendo então.


Eu >> Pra que mano?


Felipe > > Tu e virgem ne cara.


Eu >> Sou nada - Meu rosto deve ter ficado ate branco de vergonha.


Felipe >> Então ta bom, eu e vc e a Bruninha vamos trepar esse fim de semana.


Eu >> Ah sei não cara, eu sou tímido.


Felipe , vem cá que eu vou te mostrar um negocio , anda logo antes que eu me arrependa.


Eu levantei e sentei mais perto dele, ele segurou meu pescoço e me deu um beijo de língua, não sei pq eu não tentei me soltar pq eu tava amando isso, aquele beijo era muito bom, eu não pensava em mais nada, so naquele momento, e ele foi enfiando a mão dentro da minha calça e peguei no meu pau que já estava duro, eu fiquei meio assustado, mas deixei , foi ai que ele parou de me beijar e sorriu pra mim:


Felipe >> Viu ?! Eu sabia que você gostava de homem, mas me diz ai oque achou do meu beijo.


Eu >> Porque você fez isso comigo velho, tu não podia.


Felipe >> Você queria isso mais que eu viado. Mas isso morre entre nos viu, que se alguém souber disso eu mato vc desgraçado, pq eu gosto e de buceta, mas às vezes e bom variar, pra deixar as coisas mais agradeveis. Mas que pauzão em Pedro, que isso minha mão ne fecho direito ehhehehe e carai as mulher vão perder um pauzão.


Eu dei umas risadas, ele me puxou e beijamos durante algum tempo, putz galera meu primeiro beijo homo com um amigo, eu simpliesmente adorei.


Comentem e deixem opiniões , tem muito tempo que to parado , minha escrita ta péssima , mas com o tempo eu melhoro , devo ou não continuar , e oque devo melhoras , vale lembrar que resolvi e escrevi aqui no celular qualidade péssima.


Bjuss

Vício em pornografia? Saiba como parar!
eBook - Como Provocar Orgasmos Femininos?
A Máquina De Vendas Online